Cruzeiro com 69 bolivianos ilegais é retido em Barcelona

HomeJustiça

Cruzeiro com 69 bolivianos ilegais é retido em Barcelona

Segundo autoridades espanholas, vistos de passageiros eram falsos; navio partiu do Brasil e tinha como destino a Itália

Um navio de cruzeiro da MSC com cerca de 1.500 passageiros está retido no porto de Barcelona (Espanha) desde a 3ª feira (2.abr.2024) depois que autoridades do país recusaram o desembarque de 69 bolivianos por suspeita de vistos falsificados.

“Fomos informados pelas autoridades que seus vistos não são válidos para entrar na área de Schengen”, disse a companhia em comunicado. O espaço Schengen é uma área de livre circulação entre 27 países da Europa que aboliram oficialmente passaportes em suas fronteiras comuns.

Por causa das supostas irregularidades, os passageiros “não puderam desembarcar em Barcelona, que era seu destino final”. Entre os bolivianos, 14 são menores de idade.

Nesta 4ª feira (3.abr), a companhia permitiu que o restante dos viajantes saíssem do navio por algumas horas.

O cruzeiro, que partiu do Brasil com destino à Itália, aguarda uma solução das autoridades enquanto permanece atracado em Barcelona. Segundo o jornal espanhol El País, o navio deve seguir rota na 5ª feira (4.abr), enquanto os 69 cidadãos bolivianos serão “vigiados” para iniciar o processo de deportação, que será custeado pela MSC.

Em comunicado, o Ministério das Relações Exteriores da Bolívia pediu que a companhia encontre uma “solução imediata” e ser responsabilidade da empresa “verificar todos os vistos dos passageiros antes do embarque no navio”. Eis a íntegra da nota (PDF – 299 kB, em espanhol).

“A Embaixada da Bolívia na Espanha e o Consulado Geral em Barcelona estão tomando as medidas necessárias para lidar com este caso, coordenando com as autoridades espanholas e com a Empresa MSC Cruises para oferecer a assistência consular adequada aos cidadãos bolivianos, garantindo o respeito aos seus Direitos Humanos”, escreveu.

Fonte: clique aqui.

Você bem informado!

COMMENTS