Relação com a Otan piora de forma “deliberada”, diz Rússia

HomeCongresso

Relação com a Otan piora de forma “deliberada”, diz Rússia

Vice-ministro dos Negócios Estrangeiros russo afirma que a organização “lançou uma guerra híbrida contra” Moscou

O vice-ministro dos Negócios Estrangeiros da Rússia, Alexander Grushko, disse que a relação de Moscou com a Otan (Organização do Tratado do Atlântico Norte) está piorando de forma “previsível e deliberada”. Apesar disso, ele declarou que o Kremlin não tem intenção de entrar em um conflito com a organização. 

A Otan lançou uma guerra híbrida contra a Rússia”, afirmou Grushko em entrevista à agência de notícia russa RIA publicada nesta 5ª feira (4.abr.2024). “O bloco militar está pronto para um conflito aberto com a Rússia? Devemos perguntar isso aos próprios integrantes da Otan. De qualquer forma, não temos tais intenções em relação aos países que integram a organização”, acrescentou. 

Grushko disse que as declarações feitas pelo presidente da França, Emmanuel Macron, sobre o possível envio de tropas da Otan à Ucrânia, “indicam uma disponibilidade” do Ocidente “para seguir o caminho da escalada” do conflito. Segundo ele, “o próprio Ocidente está sofrendo uma derrota estratégica” na guerra.

Tal ação, independentemente dos objetivos políticos externos ou internos que prossigam, é inaceitável para políticos responsáveis, especialmente nas condições da já tensa situação político-militar na Europa”, declarou. 

Como resultado de ações aventureiras de 1 ou 2 países integrantes da Otan, o conflito ucraniano pode ultrapassar as suas fronteiras geográficas e adquirir uma escala completamente diferente”, completou. 


Leia mais: 

Fonte: clique aqui.

Você bem informado!

COMMENTS